Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2016

Um Viva a São João e Outros Santos Festeiros! SEMINÁRIO + FESTA

O Museu Casa do Pontal apresenta, no dia 23 de Julho (sábado), entre 13h e 21h, no formato "Seminário + Festa", o evento “Um Viva a São João e outros Santos Festeiros!”. Essa ação é um desdobramento da exposição temporária “Figuras e Brincantes: arte e performance na cultura popular” – em exibição no Museu Casa do Pontal, que celebrou o universo das artes e festas populares brasileiras e abordou algumas temáticas, como performance, patrimônio material e imaterial. Assim, nesta ocasião, festejaremos algumas manifestações artísticas e culturais populares, com espaço na programação para trocas reflexivas e para experiências brincantes. Em tempos juninos, importante marco do calendário festivo das festas populares brasileiras, faremos uma especial homenagem à São João e outros santos festeiros. O eventointegra o Circuito Cultural Rio, idealizadopela Secretaria Municipal de Cultura e pela Prefeitura do Rio, para a programação cultural dos períodosOlímpicoe Paralímpico, que vai de…

Terceiro trimestre de gravidez exige cuidados especiais com o corpo e visitas frequentes ao obstetra

Saber o que se passa nos últimos momentos antes do parto ajuda a ter uma reta final de gravidez menos dolorida e sem sustos para mãe e bebê
Saber que o bebê está prestes a nascer, além de ser uma grande alegria, pode deixar as futuras mães ansiosas pela chegada e transformar a reta final da gravidez em um dos períodos mais demorados de toda a gestação. Quando o corpo entra no terceiro trimestre, entre a 28ª e a 40ª semanas, ele dá sinais de que o parto pode ocorrer a qualquer hora, e conhecer todas as mudanças que acontecem no corpo da gestante pode ajudá-la a se preparar melhor para vivenciar esse grande momento.
Ao entrar no último trimestre, o bebê tem quase todos os órgãos prontos para funcionar quando ele sair do útero da mãe, sendo o pulmão aquele que se desenvolverá por último. Seu peso tende a aumentar com frequência até o dia do parto, podendo chegar à média de 30 gramas por dia, e seus movimentos dentro da barriga vão diminuir cada vez mais. Segundo Heron Werner, ginecologi…

Insuficiência cardíaca: uma das principais causas de hospitalização e morte no país

Evento gratuito em Niterói reúne especialistas que debatem este e outros temas da cardiologia Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia, em seu primeiro Registro Brasileiro de Insuficiência Cardíaca (IC), o estudo BREATHE (sigla em inglês), a doença é apontada como a principal causa de internações, reinternações hospitalares e óbito no país. Em 2012, das 1.137.572 internações por doenças do aparelho circulatório no Brasil, em torno de 21% se deram em função da IC, o que coloca a doença como um problema de saúde pública. No CHN (Complexo Hospitalar de Niterói), essa patologia é a terceira que mais gera internação. O estudo aponta ainda que quase 50% de todos os pacientes internados com esse diagnóstico são readmitidos dentro de 90 dias após a alta hospitalar, um dos principais fatores de risco de morte por causa dessa síndrome. De acordo com Valdênia Pereira de Souza, coordenadora do CHN Cardiovascular, a IC é uma doença crônica, em que o coração passa a não bombear o sangue …

Nude para todos os tons de pele

Desde que o tom nude invadiu as passarelas, o público percebeu que este nome foi criado para remeter à cor da pele ou o já conhecido: bege.  O problema é que existem os mais diversos tons de pele no mundo, não é mesmo? Por isso, a Duloren, referência no mercado de lingerie brasileiro e há mais de 50 anos reconhecedora das diferenças e participante ativa do feminismo, resolveu mostrar que ela também possui cores que representam os nudes em diferentes tons de pele.  Denise Areal, diretora de marketing e estilo da marca, afirma “Nós nunca tivemos essa distinção, a Duloren sempre trabalhou com todos os tons de pele. Representatividade importa sim e muito!”.    www.duloren.com.br



Sessão clínica debaterá a utilização de pulmão artificial no tratamento de gestante com H1N1

O CHN usou uma membrana extracorpórea (ECMO) pela primeira vez na região Leste Fluminense e salvou a vida de jovem e de seu bebê A próxima edição da Sessão Clínica do CHN – Complexo Hospitalar de Niterói –, cujo tema será Jovem, Grávida, Sintomas Gripais. Após Cinco Dias em Coma, Não Mais Grávida e Dependendo de Aparelhos, abordará o tratamento de uma paciente de 29 anos, grávida de seis meses, diagnosticada com H1N1, que precisou fazer uma cesárea de emergência e utilizou a técnica chamada de Oxigenação por Membrana Extracorpórea (ECMO, na sigla em inglês), um pulmão artificial que a manteve com vida na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) enquanto seu filho também lutava para sobreviver na UTI Neonatal. O encontro, promovido pelo Centro de Estudos do hospital, será realizado amanhã, quinta-feira (30/6), às 7h30, no Auditório Humberto Dantas, sétimo andar. A sessão será ministrada pelos profissionais de saúde do hospital: Ronaldo Vegni, médico da Unidade Coronariana Intensiva (UCI); Marí…