Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2015

Hospital da Zona Oeste abre inscrições para o curso gratuito para gestantes

O Hospital de Clínicas Padre Miguel (HCPM), localizado em Padre Miguel, Zona Oeste do Rio de Janeiro, realizará, no dia 28 de agosto, das 8h às 11:30, um curso gratuito para gestante para as futuras mamães e papais. Entre os assuntos que serão abordados no encontro, destacam-se: Pré-natal e Puerpério; Postura, Respiração e Controle; Nutrição na Gravidez; Aleitamento Materno; Cuidados com o Bebê e Técnicas para o Banho do Recém-nascido. “O principal objetivo do curso é prestar informação às mães e tranquilizá-las para esse momento tão especial, pois elas receberão orientação desde o pré-natal até o pós-parto”, afirma Mônica Britto Valente, diretora médica do HCPM. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser feitas pelo telefone (21) 2543-8108.

Especialistas do CHN participam de Congresso na Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea

Especialistas do CHN (Complexo Hospitalar de Niterói) participarão de Congresso na Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea (SBTMO), que acontecerá em Foz do Iguaçu, dos dias 25 a 28 de agosto. Durante o evento, a Coordenadora do Setor de Transplantes do CHN, Márcia Rejane e a Enfermeira do CHN, Andreia Assis apresentarão trabalho científico com o seguinte tema: Os resultados de um programa de transplante alogênico de células tronco hematopoiética aparentado (TCTH) em instituição privada. De acordo com Márcia Rejane, “trata-se de um momento muito importante poder divulgar resultados de um trabalho pioneiro desenvolvido em um hospital da rede privada no Rio de Janeiro.”  Também estarão presentes no encontro médicos e enfermeiros do setor de transplantes, que participarão do Curso de 20 horas sobre: Doenças Enxerto Contra Hospedeiros, maior causa de complicação no TCTH alogênico, que será ministrado por especialistas do MD Anderson e Albert Einstein.

Hospital em Niterói promove campanha de prevenção contra TEV

De 10 a 14 de agosto, o CHN (Complexo Hospitalar de Niterói) promoverá uma campanha para reduzir os casos de tromboembolismo venoso (TEV), doença que é resultado da presença de um coágulo sanguíneo que, em veias profundas, pode ser grave. De acordo com Márcia Rejane Valentim, coordenadora do Serviço de Enfermagem do CHN, “junto com os médicos buscamos melhorar a identificação dos pacientes de risco  e aumentar a adesão às melhores práticas, entre elas a prescrição de medicamento profilático. Esperamos aumentar a segurança na prevenção de TEV, especialmente naqueles pacientes que passaram por cirurgias de alta complexidade ou possuem mais de 40 anos e têm mobilidade reduzida”. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Vascular, no Brasil, a incidência da doença entre pessoas de 70 a 79 anos é de 500 casos para 100 mil indivíduos. Dados da literatura médica apontam ainda que, anualmente, um terço das 200 mil mortes por tromboembolia venosa nos Estados Unidos ocorre após cirurgias. E que…

Agosto, mês de combate ao colesterol

Yolanda Schrank, endocrinologista e integrante do corpo clínico do laboratório Bronstein Medicina Diagnóstica, é quem debate o tema
O colesterol consisteem lipídeo produzido pelo fígado ou adquirido pela alimentação.  Após ser absorvido no intestino, ele entra na corrente sanguínea, na qual passa a incorporar as lipoproteínas (compostas por lipídeos e proteínas), que permitem a solubilização e o transporte da gordura no sangue.É o que explica Yolanda Schrank, endocrinologista e integrante do corpo clínico do laboratório Bronstein Medicina Diagnóstica. De acordo com a especialista, as principais lipoproteínassão os quilomícrons (ricos em triglicerídeos),o HDL (conhecido como o bom colesterol), o LDL (denominado mau colesterol) e o VLDL. “O colesterol éessencial para nosso organismo, sendo precursor dos hormônios esteroides, dos ácidos biliares e davitamina D, além de também fazer parte da membrana celular.Mas, em excesso, ou seja, na presença de hipercolesterolemia, podem resultar probl…

Aumento de casos de caxumba tem assustado moradores do Rio

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, até o momento, foram recebidas mais de 650 notificações de casos suspeitos de caxumba, e o aumento do número de ocorrências vem assustando a população. Para entender a doença e como se prevenir dela, Dominique Thielmann, infectologista e integrante do corpo clínico do laboratório Sérgio Franco Medicina Diagnóstica, responde as principais dúvidas para você ficar bem informado. 1. O que é caxumba? É uma doença viral aguda, causada pelo vírus da família Paramyxoviridae, gêneroParamyxovirus, caracterizada por febre e aumento do volume de uma ou mais glândulas salivares. 2. Como diagnosticar? Quais sintomas devem ser percebidos? Os principais sintomas são febre e aumento do volume de uma ou mais glândulas salivares, geralmente a parótida. A inflamação desta glândula é a parotidite. Aproximadamente 30% das infecções podem não apresentar hipertrofia aparente dessas glândulas. O diagnóstico da doença é basicamente clínico-epidemiológico. Os testes sorológico…

Saiba mais sobre a licença paternidade

Para comemorar o Dia dos Pais, assistente social explica os direitos conquistados pelos homens. A licença paternidade é um benefício garantido a qualquer trabalhador, ele consiste em dar aos futuros papais o direito de se ausentar do emprego por cinco dias, após o nascimento do filho, sem qualquer prejuízo de salário, seja o filho adotivo ou biológico. A data de início da licença deve ser contada a partir do primeiro dia útil de trabalho após o nascimento da criança e, perante a lei, o empregador não pode negá-la ao trabalhador. “Muitos pais costumam tirar férias no mês previsto para o nascimento da criança, para aproveitar mais o tempo ao lado do seu bebê e da sua companheira. Quando isso acontece e a criança nasce próximo ao início das férias, adentrando-o,as férias devem começar a contar a partir do 1º dia útil após a licença paternidade, que é de cinco diasQuando o bebê nasce nos dias que antecedem o final das férias, e os dias de licença a ultrapassarem, a licença deve ser acres…

Que futuro teremos?

Prezados amigos, colegas, vizinhos, enfim, moradores da cidade do Rio de Janeiro, tudo bem? Espero que sim.
Venho através deste, conversar com vocês sobre o assunto, desabafar, deixar minha revolta, e meu manifesto sobre todos os meios de transporte da "Cidade Maravilhosa". Apesar de não usar alguns deles, sei bem a real situação de cada um. Uma vergonha, humilhante, revoltante para todos que pagam impostos caros e não tem retorno. Ninguém dá a minima para esta situação, os governantes, as autoridades não tem interesse em melhorar o transporte público, afinal eles não usam. Então o povo é que se vire.
Tudo é velho, sujo, sem cuidados, sem manutenção. Parece até que a cidade está parada no tempo das cavernas. A cidade cresceu, mas os transportes não acompanharam. O que dizer do despreparo dos motoristas, fiscais, trocadores, enfim, daqueles que estão dirigindo esses transportes. Parece que não conhecem a palavra educação. E o vandalismo? Serve para alguma coisa aquele site da…